Esportes

Anda de bike? Cuidado com as lesões

Comentário(s) 17 maio 2017

bike

Na sede pela perda daquelas gordurinhas indesejadas ou mesmo para manter a forma, sem dúvida o ciclismo é uma das modalidades mais procuradas por esportistas. Por queimar até 20 kcal por minuto, a depender da intensidade, a prática do exercício é saudável, mas pode causar prejuízos irreversíveis ao praticante se alguns cuidados essenciais não forem observados. É o que alerta o ortopedista Bruno Rezende, da clínica brasiliense Arthros.

O médico explica que a postura do ciclista, até mesmo as posições incorretas das articulações, dos pedais e dos bancos podem causar lesões imediatas ou a longo prazo, que podem inviabilizar futuramente a prática do esporte e a qualidade de vida do praticante. “Existem particularidades pela posição em que é praticada, intensidade e repetição de movimentos. É necessário, como toda atividade física, uma supervisão que respeite os limites de cada indivíduo”, diz ele.

Segundo o ortopedista, todos os membros inferiores (joelhos e tornozelos) devem estar nivelados com o ciclo. Ele aponta ainda para a posição do guidão e dos pedais, que deve estar bem ajustada. No caso dos joelhos, especificamente, não podem se estender completamente e o ideal é que o ângulo não passe dos 75graus. “Qualquer membro desses que esteja mais aberto ou fechado pode prejudicar o desempenho e ainda causar lesões”, lembra.

Em alguns casos, dependendo das lesões causadas, a reabilitação necessária pode ser muito demorada, adiando o retorno do atleta à prática da modalidade. “Nos mínimos sinais de dor, o paciente precisa buscar imediatamente um especialista. Quanto mais cedo tratar, mais rápida será a recuperação”, conta.

Bruno Rezende explica que o tratamento varia desde a orientação de treinos, ajuste da bicicleta, trabalho de reequilíbrio muscular, até repouso e fisioterapia . “Em alguns casos, tratamento cirúrgico por vídeo (artroscopia) é inevitável”, diz.

Dicas médicas para evitar lesões

- Alinhamento dos membros

É necessário que joelhos e tornozelos estejam nivelados, sem que fiquem mais abertos ou fechados;

- Posição do guidom e do pedal

Os pontos precisam estar regulados de acordo com a altura do esportista;

- Alinhamento dos joelhos

Alinhamento na horizontal, sem extensão completa quando o pedal estiver mais próximo ao chão.

Edição 224

Setembro 2017

Confira as edições anteriores

© Jornal Mexa-se 2013 todos os direitos reservados.

io! Comunica