Saúde

Como usar o período de férias em casa para tratar o xixi na cama

Comentário(s) 14 julho 2019

crianca cama

Um mês inteiro longe da rotina diária de ir à escola e fazer lição de casa. As férias são o momento da diversão, das brincadeiras, viagens em família, noites na casa de parentes ou acampamentos com amigos. Entretanto, esses momentos de lazer não são tão agradáveis para quem sofre com o xixi na cama. Episódios de ansiedade e estresse acompanham o dia a dia desses pequenos. Por isso, o combate à enurese noturna, que atinge até 15% das crianças acima de cinco anos, é essencial e o período das férias pode ser um grande aliado no tratamento do transtorno.

O urologista pediátrico e médico do Hospital Sírio-Libanês, Bruno Cezarino, destaca que a participação de toda a família no suporte a esse pequeno é importante para o sucesso do tratamento. “Durante as férias, as crianças passam mais tempo na companhia dos pais e responsáveis, por isso, é um momento ideal para que os adultos observem o comportamento dos filhos para auxiliar na melhora dos sintomas da enurese noturna”, acrescenta.

O especialista aponta cinco passos a serem seguidos durante o período de folga das crianças e que ajudam a combater o xixi na cama.

Passo 1 – Visite o pediatra

Após os cinco anos de idade, a criança precisa ir pelo menos uma vez ao ano no pediatra. Uma dica para não esquecer o compromisso com o médico é agendar a consulta sempre no mês das férias. Caso a criança já apresente episódios de xixi na cama durante o sono, prepare-se para a consulta. Anote todas as vezes que a criança urinar à noite, a quantidade de líquido ingerido, quantas vezes vai ao banheiro durante o dia e postura de contenção, além de observar o comportamento da criança e situações de estresse.

Passo 2 – Converse!

É importante explicar para a criança todo o processo que está acontecendo com ela para que a consulta com o médico seja mais tranquila. Ela precisa, principalmente, entender que o xixi na cama é um transtorno que precisa de cuidados e é uma fase que enfrentarão juntos, desta forma, a criança deve ser muito mais colaborativa durante o tratamento. Porém, é necessário ter cuidado com as palavras: evitar termos difíceis e comentários que possam fazer a criança se sentir culpada.

Passo 3 – Use o diário miccional

Trata-se de uma ferramenta para auxiliar o trabalho do médico no diagnóstico da enurese noturna. O diário miccional tem como função monitorar os hábitos miccionais da criança para que o médico possa avaliar o resultado e escolher o melhor tratamento. É importante registrar as noites secas e não é necessário esperar a consulta com o médico para começar a usá-lo. Convidar a criança para participar do preenchimento do diário também é um passo importante. Utilizar cores e valorizar as noites secas, tirando o peso das molhadas, ajuda no processo da melhora do xixi na cama.

Passo 4 – Prepare o ambiente de sono

Alguns itens podem auxiliar durante o tratamento da enurese noturna, pois tornam os episódios de xixi na cama menos desagradáveis. Capas protetoras de colchão, roupas íntimas impermeáveis e menor consumo de líquidos durante a noite são grandes aliados no combate ao transtorno. Além disso, deixar a criança tranquila na hora de ir para a cama e dar apoio e afeto também deixam o ambiente mais propício para uma boa noite de sono. Caso haja prescrição médica para o uso de medicações, é essencial seguir os horários indicados.

Passo 5 – Converse com familiares e amigos

Nas férias, é comum que as crianças queiram dormir na casa de amigos e/ou familiares. O xixi na cama não deve ser um impedimento para esses momentos de descontração. Conversar com o pequeno e verificar se ele está confortável para passar a noite fora de casa e orientá-lo sobre como agir para ser um período agradável é o melhor caminho.  As orientações corretas também devem ser passadas para o responsável que for receber essa criança durante o período, sejam eles parentes, amigos da família ou cuidadores.

Mais informações sobre o xixi na cama

O site www.semxixinacama.com.br, desenvolvido com o apoio do Laboratórios Ferring, reúne informações sobre a enurese e tem o objetivo de orientar as famílias sobre como lidar com o xixi na cama sem traumas, alertando sobre a importância do diagnóstico correto e da busca por tratamento médico adequado. O visitante ainda tem acesso a uma lista com os centros de apoio mais próximos a sua região, perguntas e respostas sobre o tema, além de vídeos e um blog.

 

Edição 247

Agosto 2019

Confira as edições anteriores

© Jornal Mexa-se 2013 todos os direitos reservados.

io! Comunica