Saúde

Crianças que não bebem água estão consumindo 100 calorias extras por dia

Comentário(s) 20 setembro 2019

crianca bebendo agua

Crianças e adolescentes que não bebem água podem estar consumindo 100 calorias extra por dia, aponta um novo estudo, publicado no Journal of American Medical Association Pediatrics. Esses jovens consomem 93 calorias a mais com a ingestão de bebidas açucaradas do que as crianças que bebem água.

Especialistas alertam que isso pode aumentar o risco de as crianças apresentarem sobrepeso ou se tornarem obesas, porque 3.500 calorias – 37 dias – é o suficiente para ganhar 1 kg de peso. Um terço das crianças britânicas com idade entre dois e 15 anos agora são categorizadas como com sobrepeso ou obesidade, de acordo com dados oficiais. Nos Estados Unidos, quase um em cada cinco jovens, entre seis e 19 anos, é obeso. No Brasil, índices de obesidade infantil já ultrapassam os 16%. Uma a cada três crianças está com sobrepeso.

“Os autores do estudo recomendam que as crianças devam consumir água todos os dias, e que a primeira opção de bebida para as crianças deve ser a água. Porque, se elas não estão bebendo água, provavelmente vão substituí-la por outras bebidas, como bebidas açucaradas, que são menos saudáveis ​​e têm mais calorias”, explica o pediatra homeopata Moises Chencinski.

O estudo

Os pesquisadores analisaram os hábitos de consumo de 8.400 crianças com idades entre dois e 19 anos e descobriram que  uma em cada cinco crianças relatou que não bebia água.

O Departamento de Agricultura dos EUA recomenda que 10% das calorias diárias de uma pessoa provenham de açúcares adicionados. No entanto, no estudo, as crianças que não bebiam água tendiam a ultrapassar esse limite, consumindo bebidas açucaradas.

As bebidas açucaradas do estudo incluíam refrigerantes, sucos de frutas adoçadas, bebidas esportivas, bebidas energéticas e bebidas açucaradas de chá e café. Não incluíam sucos feitos com 100% de frutas, bebidas adoçadas com adoçantes sem calorias e bebidas adoçadas pelo consumidor, como o chá.

O governo do Reino Unido introduziu um imposto sobre o açúcar em refrigerantes em uma tentativa de reduzir a obesidade infantil em abril do ano passado. Os refrigerantes adoçados com açúcar são a maior fonte individual de açúcar dietético para crianças e adolescentes, o imposto foi projetado para limitar a quantidade de açúcar que as empresas podem adicionar às suas bebidas. Em média, os jovens nos EUA, consomem 143 calorias de bebidas açucaradas por dia. Não dispomos desses dados no Brasil.

“Mas o alerta foi feito: é de extrema importância que as crianças tenham acesso livre à água e sejam incentivadas a consumi-la”, defende o pediatra.

Edição 249

Outubro 2019

Confira as edições anteriores

© Jornal Mexa-se 2013 todos os direitos reservados.

io! Comunica