Estética

Dicas para cuidar da pele do bebê no outono

Comentário(s) 23 março 2019

Outono chegou, começa esfriar e a pele dos adultos sofre com o ressecamento e desidratação. O mesmo ocorre com a dos bebês, porém esta bebe banhorequer cuidados extras, uma vez que é mais sensível, perde hidratação até duas vezes mais rápido e é até 30% mais fina, se comparada com a dos adultos.

Segundo a dra. Sabrina Battistella, pediatra da Johnson & Johnson, no frio a pele tende a ressecar e desidratar com maior facilidade, agravando a sensibilidade. “Por ter a epiderme delicada e ainda imatura, os bebês sofrem mais com esses problemas e, se não estiverem com os cuidados em dia, sua pele pode desenvolver descamações e lesões – uma porta de entrada para bactérias”, enfatiza.

A especialista listou alguns cuidados essenciais para manter a pele saudável nos dias mais frios. Confira abaixo:

Evite banhos quentes e demorados

  • Esse é o primeiro passo no cuidado com a pele. O indicado é um banho rápido e com água morna, pois a quente resseca e fragiliza o órgão. Além disso, é indicado utilizar um sabonete seguro, suave e eficaz, uma vez que agentes de limpeza inadequados ou irritantes podem danificar a barreira cutânea, que é uma proteção natural contra agentes externos.

Hidrate a pele após o banho

  • Após o banho, é importante caprichar na aplicação de hidratantes e óleos desenvolvidos especialmente para os pequenos para auxiliar na manutenção das defesas naturais da pele. Aplique o creme realizando movimentos circulares e massagens, para garantir total absorção. Busque por um produto hipoalergênico, dermatologicamente testado, com fórmula leve e cosmética agradável.

Proteja o bumbum

  • Após o banho, é importante garantir que o bumbum do bebê esteja totalmente seco, principalmente a área de fralda. Além disso, o uso de um bom creme contra assaduras é essencial. Procure por um que garanta a hidratação necessária, ao mesmo que tempo que deixa a pele respirar.

Não exagere no uso de agasalhos

  • Outra medida importante é proteger o bebê do frio e do vento, porém sem exagero, uma vez que a transpiração em excesso pode causar coceiras e lesões na pele.
Edição 249

Outubro 2019

Confira as edições anteriores

© Jornal Mexa-se 2013 todos os direitos reservados.

io! Comunica