Estética

Fios de sustentação da face

Comentário(s) 28 fevereiro 2019

vanessa garbim

No processo de envelhecimento facial ocorre a perda do colágeno e flaci­dez dos tecidos de sustentação da face, com consequente queda da maçã do rosto, formação do bigode chinês, desloca­mento da gordura para baixo, dando aspec­to de buldogue, perda do contorno da man­díbula e, ainda, acúmulo de gordura em sub­mento (papada).

Quando esse processo está no início, por volta dos 40 a 50 anos, onde a flacidez é le­ve, é possível melhorar es­sa queda, por meio dos fios de sustenta­ção facial.

Os fios de sustentação da face podem ser absorvíveis, como os fios de ácido polilático (fio silhouette, fio block), os de PDO (polidioxanona como miracu, fio mint), ou inabsorvíveis, que são os de poli­propileno com garrinhas (fio russo). Qualquer um desses fios é biologicamente compatível, não dão rejeição e não migram.

Indicações: ptose (queda) da pele do ter­ço médio da face, ptose da linha mandibular, ptose do supercílio, flacidez da pele do pes­coço, perda do volume malar.

A colocação dos fios de sustentação é fei­ta ambulatorialmente com anestesia local, sem necessidade de internação. Os fios da face ficam alojados na camada de gordura, não causando ondulações na face, nem são visíveis ou palpáveis. Cada fio é colocado por meio de microcânula, e os pontos de entra­da e saída da cânula guia na pele fecham-se posteriormente.

Todos os fios induzem a formação de co­lágeno em volta deles, dando um efeito adi­cional de sustentação em até quatro meses e permanecendo por até dois anos. São co­locados geralmente de dois a quatro fios em cada hemiface no caso de silhouette ou fio block, e em torno de 30 fios de PDO espa­lhadas em face e pescoço.

Cuidados pós-colocação dos fios de sus­tentação:

- O paciente sairá com uma máscara de mi­cropore, no ca­so dos fios de tração, e terá como objetivo conter a ginás­tica por alguns dias;

- Deve-se aplicar gelo no local nas primei­ras 12 horas;

- Não se expor a calor excessivo;

- Não dormir de bruços;

- O retorno das atividades habituais dá-se em 48 horas;

- Fios de PDO não requerem cuidados es­peciais.

Contraindicações dos fios de sustentação:

- Excesso de tecido adiposo na face;

- Excesso de pele devido ao envelhecimen­to avançado;

- Pele muito fina com falta de tecido adi­poso.

Por dra. Vanessa Garbim (CRM 101593), dermatologista estética

Edição 241

Fevereiro 2019

Confira as edições anteriores

© Jornal Mexa-se 2013 todos os direitos reservados.

io! Comunica