Saúde

Medo de nutricionista?

Comentário(s) 02 setembro 2016

Você já ouviu alguém dizer que não vai à nutricionista pois tem medo de ela retirar tudo o que é bom de comer? Foi assim com a Ana. Ela precisava melhorar sua alimentação, mas só de imaginar que teria que esquecer chocolate, pão e biscoito já de­sistia. Pensava em como seria chato comer ta­pioca e ricota todo dia. E o tanto que teria que gastar para se alimentar de maneira saudá­vel? Definitivamen­te, não tinha condi­ções para isso.

O tempo foi pas­sando e, sozinha, ela não conseguia per­der peso. Já havia tentado tanto. Priva­va-se por conta, fazia sacrifícios, simpatias e nada. Quando per­cebeu, já havia gasta­do tanto dinheiro e já havia se privado tanto, que cedeu. Marcou a consulta com a nutricionista.

A nutricionista a recebeu bem. Conver­saram um pouco para descontrair. Ana sen­tiu-se confortável. Detalhadamente, con­tou sua história. E a nutricionista explicou o seguinte:

“Ana, existem muitas abordagens na nutri­ção e sempre avaliamos o objetivo do cliente. Existem situações em que o resultado preci­sa ser rápido e existem clientes que não se incomodam com grandes mudanças. Mas ca­da cliente é atendido de maneira personali­zada. Enquanto conversávamos, pude enten­der seus hábitos, rotina, preferências e aver­sões. Sei da sua disponibilidade financeira, da meta e prazo que gostaria de atingir seu objetivo e da existência de alguma doença. Diante de tudo isso, eu não posso, e nem te­nho o direito, de virar sua vida alimentar de pernas para o ar. Não foi para isso que me procurou. Quero promover saúde em você, e não lhe deixar doen­te. Vamos conversar sobre seus compor­tamentos alimenta­res e, juntas, vamos definir estratégias para você conseguir o que precisa. Sem restrição, punição ou castigo. Sem alimen­tos vilões e nem má­gicos. Vamos encon­trar o equilíbrio.”

Ana fez o acompanhamento por seis me­ses. Adquiriu novos hábitos e comportamen­tos alimentares que jamais imaginou. Passou a fazer atividade física com prazer. Mudou sua forma de pensar na alimentação, se co­nheceu, fez as pazes consigo mesma sem ja­mais se privar do que gostava. E atingiu seu tão sonhado objetivo!

Artigo de Camila Andrade (CRN 32158) e Cleonice Lemes (CRN 24368), nutricionistas da La Vie Clínica de Nutrição.

Contatos: 11-4586-7545, facebook/lavie.nutricao

Edição 224

Setembro 2017

Confira as edições anteriores

© Jornal Mexa-se 2013 todos os direitos reservados.

io! Comunica