Esportes

Pilates para o verão

Comentário(s) 02 dezembro 2016

 pilates O método, que alia concentração, for­ça, flexibilidade e equilíbrio, ainda é visto, por alguns, como forma de re­abilitação de lesões ou até exercício so­mente para quem é bailarino. Enga­no. O Pilates é uma das atividades mais democráticas, pois consegue agregar diferentes públicos, com diferentes ob­jetivos.

Com uma infini­dade de exercícios e variações, tanto quanto de materiais que podem ser usados, o Pila­tes é ideal para quem procura uma atividade que não seja repetitiva. Em cada aula o pra­ticante é levado a trabalhar diferentes gru­pamentos muscula­res em um mesmo exercício, com mo­vimentos que não ultrapassam 15 re­petições. pilates

Nos meses que antecedem a chega­da do verão é possí­vel iniciar a prática Pilates e conquistar um resultado sig­nificativo. É possível conquistar tonicidade muscular, melhorar significativamente a pos­tura e também a flexibilidade.

A procura pelo Pilates aumenta nesse pe­ríodo e o objetivo da grande maioria é che­gar bem no verão, já que o corpo fi­ca mais à mostra. É importante frisar que a atividade não tem como objeti­vo principal o ema­grecimento. Para is­so é preciso aliá-la a uma atividade ae­róbica.pilates

Mas como em qualquer exercício físico existe a perda ca­lórica, no Pilates ela fica entre 300 a 500 em uma hora de aula. O ideal para que os objeti­vos sejam notados é que a atividade seja re­alizada, pelo menos, duas vezes na semana. Os resultados são mais significativos quando o músculo do aluno tem a sua “memória” reativa­da com a prática.

Pilateiros, vamos nos preparar para esse verão! Muito Pilates para vocês!

Artigo da professora de Pilates Raquel Dolce Fraga Grasson.
Contatos: 
tels. 11-99821-1098 e 4587-4978

Edição 224

Setembro 2017

Confira as edições anteriores

© Jornal Mexa-se 2013 todos os direitos reservados.

io! Comunica