Esportes

Pilates previne e trata osteoporose

Comentário(s) 28 outubro 2019

raquel pilates osteoporoseQue o pilates oferece diversos bene­fícios, todos já sabem. E que ele po­de beneficiar na prevenção e trata­mento da osteoporose, você sabia?

Essa patologia já atinge mais de 10 mi­lhões de pessoas no Brasil, principalmen­te idosos e mulheres na pós-menopausa. Segundo pesquisa, uma entre cada quatro mulheres com mais de 50 anos desenvol­vem a doença.

A oste­o p o ro s e p r o v o c a um enfra­quecimen­to progres­sivo dos ossos, que acaba cau­sando múl­tiplas fra­turas. Ca­racteriza-se pela di­minuição d a m a s ­sa óssea, desenvol­vendo os­sos ocos e finos, de sensibilidade extrema, tornando-os propen­sos a fraturas. Dessa for­ma, vemos a necessida­de de prevenir e investir no tratamento da osteo­porose.

- TRATAMENTO

raquel pilates osteoporose 2O tratamento em si ini­cia-se com hábitos sau­dáveis, aten­ção redobra­da após a menopausa, e também com a prática regular de ativi­dades físicas desde cedo, o que permite alcançar o pico de mas­sa óssea. Atividades como cami­nhada e pilates contribuem para aumentar o índice de massa que se mantém enquanto se pratica exercícios. Outro fator impor­tante é a alimentação, que deve ser orientada da melhor manei­ra por um nutricionista.

A prática de atividade física tem como finalidade deixar os ossos mais fortes, ajudando a melhorar o desempenho e o fun­cionamento de todo o corpo.

Com o pilates, não é diferen­te, porque oferece exercícios v a r i a d o s , respeitando as particula­ridades, ne­cessidades e capacida­des e limites de cada alu­no. Com isso, não há des­gaste físico, nem estímu­lo à fadiga. O pilates pode ajudar ainda a tra­balhar equilíbrio, força muscular, concen­tração e coordenação essenciais para evi­tar ocorrência de quedas e consequentes riscos de fraturas.

Vamos dar um exemplo: a aluna Telma Torso, diagnosticada com osteopenia (aler­ta indicando a diminuição de massa óssea que, se não tratada, pode levar à osteopo­rose) em coluna lombar e quadril, já prati­cava pilates duas vezes na semana. Intensi­ficou as aulas em estúdio em três vezes na semana para acelerar o tratamento. Resul­tado: após seis meses a osteopenia na colu­na lombar foi totalmente zerada, e osteope­nia do quadril está quase zerada!

osteoporose

Por isso, conclui-se que, por ser uma do­ença silenciosa, a osteoporose ainda afeta grande parte da população, devido aos há­bitos de vida inadequados.

Sendo assim, nós buscamos sempre me­lhorar a qualidade de vida dos portadores dessa patologia, trazendo o método pilates para sua rotina e, assim, proporcionar todos os benefícios descritos acima.

Por Raquel Dolce Fraga Grasson, professora de pilates.
Contatos: 
11-99821-1098 e 4587-4978

Edição 249

Outubro 2019

Confira as edições anteriores

© Jornal Mexa-se 2013 todos os direitos reservados.

io! Comunica