Saúde

Pólen promove nossa saúde

Comentário(s) 19 dezembro 2018

As abelhas recolhem o pólen das flo­res, que é sua principal fonte de pro­teína e essencial para a produção da geleia real – o alimento da rainha da colmeia. Ao fazer a “colheita”, as abelhas adicionam ao pólen secreções enzimáticas, que o enri­quecem ainda mais, e fazem pequenas bo­lotas que ficam presas em suas patas trasei­ras. São essas bolotas – do mais puro pólen – que são coletadas pelos produtores – não todas, claro: 2/3 delas vão para a colmeia.

E o que o pólen tem de tão bom? Para começar, explica Rita Inês Leme Pedroso, da Casa do Mel – loja do Apiá­rios São Pedro, o pólen é o único produto natural que contém os 22 aminoácidos essenciais para o perfeito funcionamento do organis­mo humano, além de ser rico em ácidos graxos, vitaminas, oligoelementos, fibras e hor­mônios vegetais e moléculas proteicas como flavonoides.

Essas substâncias estimulam o metabolis­mo celular, a síntese dos produtos indispen­sáveis para as glândulas, reforçam a imuni­dade, neutralizam os radicais livres, dimi­nuem os riscos de câncer e de doenças car­diovasculares.

Pesquisas na USP mostraram que o polén pode ajudar a combater as doenças do en­velhecimento, pois contém as três vitaminas antioxidantes: betacaroteno como a pró-vi­tamina A, a vitamina C e a vitamina E. Tam­bém é rico em vitaminas do complexo B, que ajudam, por exemplo, no funcionamento do sistema nervoso central, na prevenção e tra­tamento de cataratas.

Contém ainda grande quantidade da vita­mina P, considerada efetiva no controle de do­enças cardiovasculares, pois fortalece os ca­pilares e reverte o endurecimento das veias e artérias. E há muitos outros benefícios do consumo de pólen:

- Aparelho digestivo: regula o funciona­mento intestinal, equilibran­do a flora no nível do cólon e intestino delgado.

- Ação na hemoglobina do sangue: o ferro e a vitami­na B12 elevam a taxa de he­moglobina dos glóbulos ver­melhos.

- Estado de fadiga: o pó­len, quando consumido na indicação certa, após 10 ou 20 dias, aumenta a capaci­dade física e mental.

- Regularização hormonal: atua sobre o sistema hormo­nal, logo reduzindo o stress e o envelhecimento precoce.

- Ação metabólica: atua sobre o metabo­lismo celular devido à presença da grande quantidade de aminoácidos, oligoelementos e vitaminas que são responsáveis pela sínte­se das proteínas pelas células.

Ele deve ser consumido diariamente, é en­contrado na forma desidratada (parecem se­mentinhas). E o melhor: não tem contrain­dicações.

A Casa do Mel fica na Rua Moreira César, 498, Vila Arens, Jundiaí. Tel. (11) 4607-0562.

Edição 244

Maio 2019

Confira as edições anteriores

© Jornal Mexa-se 2013 todos os direitos reservados.

io! Comunica