Saúde

Por que no frio sentimos mais dores?

Comentário(s) 23 agosto 2016

cintia cruzNa época do frio, inconscientemente, ficamos mais tensos e “encolhidos” o que produz uma tensão nas arti­culações e favorece a intensificação das do­res em articulações desalinhadas.

Antes de mais nada é necessário entender o processo da dor: a dor é uma defesa e um li­mitador. É uma maneira que nosso corpo tem de nos avisar que alguma coisa não vai bem e precisamos corrigir. Por que sofrer com do­res pelo corpo? Muitas vezes, a origem des­sas dores está no desalinhamento de articu­lações, o que causa pouco ou mau funciona­mento das mesmas.

Muitas pessoas suportam dores sem sa­ber que isso vai danificando as articula­ções envolvidas, gerando artroses (desgas­tes). É necessário fazer ajustes nessas arti­culações, isto é, reacomodá-las para elimi­nar esse risco.

Quiropraxia é a única terapia de manipu­lação da coluna vertebral e articulações usa­da para corrigir, harmonizar e realinhar as estruturas ósseas, devolvendo o movimen­to normal e pode ser aplicada em pessoas de qualquer idade.

No local onde acontecem desalinhamen­tos, pode ocorrer interferência no sistema nervoso, podendo também, além da dor, ha­ver perda da força muscular ou mau funcio­namento. Esses desalinhamentos podem causar diminuição dos espaços entre as vér­tebras (discos), pressionando os nervos.

É impor­tante frisar que o traba­lho de alinha­mento das articulações deve ser fei­to no corpo todo, procu­rando a ori­gem da dor. Muitas vezes, uma dor no braço ou ombro pode ter sido originada nos pés. E aí chamamos a atenção para a importância dos pés bem articulados e alinhados, que são a base do corpo!

O alinhamento articular é necessário pa­ra todos, mas tem indicação especial nos ca­sos de dores de cabeça, torcicolos, dores lom­bares, dor ciática, quadril, pernas, hérnia de disco, formigamentos em braços ou pernas, desvios posturais, vícios posturais etc, além de dores de estômago, mau funcionamento de órgãos, como prisão de ventre, por exem­plo, liberando o movimento e/ou funciona­mento imediatamente.

E o melhor de tudo: Quiropraxia não dói! Pelo contrário, alivia a dor na hora.

Artigo de Cintia Cruz, quiropraxista formada em 1999 (ANQ no 025/99). Atende na R. Rangel Pestana, 988, Centro, Jundiaí, SP. Tels. 11-3446-7050, 99915-4593 (Vivo), 98100-2524 (Tim)

Edição 224

Setembro 2017

Confira as edições anteriores

© Jornal Mexa-se 2013 todos os direitos reservados.

io! Comunica