Estética

Rejuvenescimento das pálpebras sem cortes

Comentário(s) 28 maio 2019

O excesso de pele nas pálpebras deixa o olhar cansa­do e a aparência da face mais envelheci­da. Além disso, o pe­so da pele pode até mesmo atrapalhar a visão e prejudicar o hábito da leitura.

Muitos pacientes não desejam a cirurgia tradicional (blefaroplastia) por razões pes­soais, ou simplesmente porque apresentam um excesso de pele pequeno, que ainda não tem indicação de tratamento cirúrgico, mas que já incomoda.

Nestes casos a blefaroplastia a plasma po­de ser a solução: um aparelho gera corrente elétrica contínua que reage com o oxigênio do ar, atravessando a membrana celular. Nesse processo há formação de fibras de colágeno e elásticas, retraindo a pele e melhorando o aspecto da região, rejuvenescendo-a.

O procedimento é realizado sob anestesia local, leva cerca de 40 minutos e tem um tem­po de recuperação rápido em comparação com outros métodos: cerca de sete dias.

Indicações:

- Rugas finas;

- Pequenas bolsas;

- Flacidez de pele nas pálpebras superior e/ou inferior;

- Depressões na área.

Vale a pena lembrar que existem ainda ou­tros métodos com o mesmo objetivo, tais co­mo laser de CO2 e Erbium e alguns ácidos, além de preenchedores específicos para es­sa região.

Procure seu médico é conheça mais so­bre os tratamentos e a melhor indicação pa­ra você.

Por dra. Vanessa Garbim (CRM 101593), dermatologista estética

Edição 245

Junho 2019

Confira as edições anteriores

© Jornal Mexa-se 2013 todos os direitos reservados.

io! Comunica