Jornal Mexa-se

20 de maio 2020 às 08:30

Confira exercícios práticos que podem ser feitos na sala de casa, sem nenhum acessório

Esportes

20 de maio 2020

CompartilharCompartilhar

Confira exercícios práticos que podem ser feitos na sala de casa,  sem nenhum acessório

Nos últimos meses, por conta da pandemia do Covid-19, os hábitos dos brasileiros mudaram. Para quem busca uma melhor qualidade de vida, mais saúde e um corpo em forma, precisa adaptar a rotina das academias a treinos que podem ser feitos em casa.

Pensando nisso, o Master Trainer de Strong Nation™️ Giuliano Cangiani elencou alguns exercícios rápidos que estimulam a musculatura do corpo todo e podem ser praticados em qualquer ambiente da casa. "Neste momento, para manter o ritmo, é importante optar por treinos que não dependam de acessórios, mas também sejam completos. A ideia é ativar o metabolismo e tonificar todos os grupos musculares. Essa aula, se praticada três vezes por semana, já oferece resultados dentro de um mês", explica.


O Strong é um treino de HIIT, que tem como objetivo manter o batimento cardíaco elevado e otimizar a queima de gorduras, mesmo quando se está em repouso - conhecido como efeito EPOC. "O organismo continua eliminando calorias após a atividade, por conta da alta intensidade. É por isso, que recomendo treinar em dias intercalados".

Para quem deseja emagrecimento e definição, mesmo durante a quarentena, é possível alcançar esse objetivo. Confira os 5 exercícios que Giuliano considera essenciais para resultados significativos em 21 dias, se associado a uma reeducação alimentar:


Squat ou agachamento



O exercício é muito eficaz para trabalhar os membros inferiores, em especial coxas e bumbum. "É importante atenção na execução: pés alinhados com os ombros, tronco reto ao agachar, sempre olhando para a frente, mantendo o peso nos calcanhares sem deixar que os joelhos ultrapassem a linha do pé", explica Giuliano.


Lunge ou avanço



Também é focado nos membros inferiores. É um exercício intensivo para quadríceps, gémeos, glúteos e bíceps femorais. "Erros comuns são quando o aluno leva o joelho à frente do pé, curva a coluna e traz o joelho para dentro", alerta o Master Trainer.


Plank ou prancha



Focado na concentração de força isométrica - sem movimentos - que envolve manter-se em uma posição por um longo período. "Esse é um dos exercícios mais eficazes para quem deseja definir o abdômen. É importante sempre ter em mente durante a execução, que o esforço deve estar todo concentrado nessa região", explica Giuliano.


Pushup ou flexão de braços



Nada mais é do que o simples movimento de se empurrar do chão. Giuliano explica a importância do exercício: "ele é um dos mais completos pois trabalhamos a parte superior - braços, peito e ombros - e a musculatura do abdômen".


Polichinelos



Os polichinelos são extremamente importantes para aquecer o corpo. "Muitos costumam subestimar a importância desse exercício e o relacionam a uma atividade puramente aeróbica. Eles aumentam a frequência cardíaca e fazem os músculos trabalharem bastante", finaliza o Master Trainer.


Os treinos podem ser encontrados gratuitamente no Youtube. Mas, recomenda-se o acompanhamento de um profissional, mesmo que virtualmente, ainda mais durante esse período de isolamento social. "Agora, mais do que nunca, é importante que o aluno contate um instrutor para que ele verifique a execução correta de cada movimento. Devemos evitar a qualquer custo uma lesão agora e, principalmente, que a pessoa tenha que ir ao hospital", diz Giuliano.