Jornal Mexa-se

29 de agosto 2020 às 08:00

Micoses de unha: terapia fotodinâmica e ozonioterapia são tratamentos eficazes

Saúde

29 de agosto 2020

CompartilharCompartilhar

Micoses de unha: terapia fotodinâmica e ozonioterapia são tratamentos eficazes

 Onicomicose é uma infecção causada por fungos que se alimentam da queratina, proteína que forma a maior parte das unhas. As dos pés são as mais afetadas por enfrentarem ambientes úmidos, escuros e quentes com maior frequência do que as das mãos.


Esse ambiente é considerado ideal para o crescimento dos fungos. Os fungos que provocam a micose de unha são habitualmente adquiridos no ambiente, principalmente em áreas úmidas e quentes, que são os meios propícios para o crescimento deles. Banheiros, chuveiros, vestiários e piscinas públicas são exemplos de locais que frequentemente abrigam fungos. Frequentar estes espaços públicos descalço é um importante fator de risco para adquirir micose nas unhas.


A terapia fotodinâmica é um tratamento de doenças baseado na utilização de luz para ativação de compostos medicamentosos, e tem sido presença cada vez mais forte no tratamento de doenças, principalmente na área da dermatologia. Os tratamentos convencionais para a onicomicose são mais paliativos do que uma solução definitiva, e são associados a altas taxas de falha e recorrência.


A ozonioterapia utiliza o ozônio (O3), um gás formado por três átomos de oxigênio como agente terapêutico no tratamento de diversas patologias. Para se aplicar a ozonioterapia é necessário um aparelho de ozônio medicinal, que prepara misturas específicas de oxigênio e ozônio que variam conforme a patologia a ser tratada, e pode ser feita com a insuflação de gás em regiões corporais doentes ou com aplicação tópica de óleos ozonizados, água ozonizada, e o gás de ozônio. O ozônio medicinal tem propriedades altamente bactericidas, fungicidas e antivirais (é virustático). Usado extensamente para desinfetar feridas infectadas, assim como em doenças bacterianas, virais e fúngicas.


A utilização do ozônio medicinal é definida como uma terapia oxidativa que gera um estresse oxidativo, resultando na produção do efeito antioxidante pelo organismo, visando à melhora do paciente.


Unindo essas duas técnicas mais o tratamento de podoprofilaxia (limpeza dos pés) obtem-se resultados fantásticos. O tratamento pode durar de seis meses a um ano e meio. A princípio são realizadas sessões semanais, mas podem se espaçar de 15 a 15 dias e uma vez ao mês.


Luciana Colasanto é podóloga.
Tel.: 11-99538-4167