Jornal Mexa-se

22 de fevereiro 2021 às 07:00

Cuidados básicos para cabelos com química

Estética

22 de fevereiro 2021

CompartilharCompartilhar

Cuidados básicos para cabelos com química

As madeixas pintadas, alisadas ou relaxadas merecem cuidados ainda mais intensos, afinal, a facilidade de ressecar, quebrar ou ganhar pontas duplas é bem maior. O hair stylist Luigi Moretto revela dicas básicas para manter os fios em plena saúde, sem deixar de lado as tinturas que tanto agradam às mulheres.


Regra 1: Hidratação


A hidratação capilar é básica até para quem não usa colorações, e pode ser feita com qualquer tipo de máscara. "Elas são responsáveis por repor a água e os nutrientes dos fios sedentos", revela Luigi. Se os fios estão secos, ressecados e opacos por conta da química, os produtos à base de manteigas e óleos vegetais devolvem os lipídios do cabelo, que são responsáveis por produzir a oleosidade natural que os mantêm sempre hidratados. Um exemplo é o conhecido óleo de coco.


Regra 2: Reconstrução


Esse é o tratamento que devolve as proteínas naturais dos cabelos que passaram por processos químicos e sofrem com queda e quebra. O procedimento pode ser feito de duas maneiras: com a queratina líquida ou usar uma máscara reconstrutora. "Por ser pura e líquida, a queratina é mais rápida e eficaz e traz um efeito quase imediato", afirma.


Regra 3: Específicos para descolorações


Para as adeptas do cabelão loiro e bem tratado, aquele tom amarelado desagradável pode pôr tudo por água abaixo. Por isso, o shampoo desamarelador e uma máscara matizadora, de preferência da mesma marca, são dois itens indispensáveis para cuidar de verdade das madeixas claras.


Regra 4: Protetor térmico antes de usar aparelhos que emitem calor


Para quem não vive sem secador, chapinhas e afins, a dica do hair stylist é aplicar o spray de proteção térmica dos fios, separarando os cabelos úmidos em mechas, para que nenhum fique de fora. "Aplique de cima para baixo do comprimento, com duas ou três borrifadas em cada lugar. Quando terminar, penteie os cabelos, para auxiliar na distribuição homogênea do produto. Isso garantirá que o calor não queime os fios", ensina Luigi.


Regra 5: Jato frio


Após utilizar o secador, os cabelos ainda permanecem muito quentes, isto significa que o efeito do calor continua agindo sobre eles. "Para minimizar essa alta temperatura que pode prejudicar os fios, um jato de ar frio do próprio secador sobre os cabelos ajuda a evitar que o calor continue agindo e prejudique a saúde dos cabelos", fala.


Regra 6: Escolher o shampoo certo


Shampoos para caspa são ótimos para a limpeza do couro cabeludo, mesmo para quem não sofre com esse problema.


Se o problema for um cabelo pesado, sem balanço e com a raiz oleosa, vale apostar em um shampoo apenas hidratante, à base de vitaminas e óleos essenciais .


Para os fios ásperos, opacos, rígidos e que quebram com facilidade, a dica são os cosméticos ricos em queratina e aminoácidos que fortalecem a estrutura mais interna da fibra capilar.


Luigi lembra que para esse shampoos específicos o segredo é usá-los de forma alternada com os neutros básicos, já que eles contêm menos agentes condicionantes e, portanto, diminuem o acúmulo de resíduo.


Regra 7: Condicionando os fios


Para usar condicionador, a regra é aplicá-lo apenas no comprimento e nas pontas. "Isso evita que o couro cabeludo fique oleoso e evita o aparecimento da caspa, que ainda pode enfraquecer o fio".


Regra 8: Cremes sem enxague e finalizadores


Na hora de usar os cremes sem enxague, a regra é não exagerar e não aplicar mais do que a proporção de uma moedinha.